O que é gestão de risco, etapas e importância.

O que é gestão de risco, etapas e importância.

A gestão de riscos é primordial para se antecipar aos problemas, que podem ser muitos em uma organização, por mais que já haja a prevenção deles. Acontece que há muitos aspectos que podem passar batido, e não por negligência, mas por falta de organização, e é justamente para isso que serve essa metodologia.

Para saber tudo sobre gestão de risco, suas etapas e importância, continue acompanhando esse artigo.

O que é gestão de riscos?

A gestão de risco visa a prevenção de problemas, assim como a sua amenização quando já não houver tempo hábil de prevenção.

Consiste em ficar ligado a sinais internos e externos que podem influenciar no seu negócio. Esses sinais nem sempre estão evidentes, por isso é necessária a gestão de risco, que tem como foco atuar de forma ferrenha na identificação de problemas em potencial, ainda que possam parecer não ter tanta significância, garantindo assim o bom funcionamento de toda a empresa de acordo com o compliance.

Qual a importância da gestão de riscos?

O foco da gestão de risco é se antever aos problemas, minimizando possíveis impactos. O conceito anda lado a lado com o compliance, criado nos EUA nos anos de 1970.

O compliance nada mais é do que estar de acordo com normas e condutas, muitas delas exigidas por lei. Isso significa que se houver alguma brecha no RH em relação aos direitos trabalhistas de algum funcionário, por exemplo, isso já se enquadra na gestão de risco, pois é um fator de risco que precisa ser corrigido para a conformidade da empresa perante a lei. Além disso, o seu não cumprimento ainda pode gerar problemas para a empresa na justiça, outro prejuízo que não queremos.

Em suma, o básico para entender e aplicar o conceito de gestão de risco é se basear no compliance. Por isso, tenha a certeza de aparar todas as arestas e agir sempre com responsabilidade e ética.

gestão de risco

A gestão de risco é um trabalho contínuo, envolvendo não apenas o RH, mas também outros departamentos, como segurança do trabalho. Falhas na segurança de uma empresa é uma falta muito grave, pois é inadmissível um funcionário se machucar durante o seu expediente por má manutenção do ambiente de trabalho. Imagine se por má gestão, ocorre um óbito dentro da empresa? Além do negligenciamento de uma vida, a empresa também pagará alto na justiça, sem falar na má reputação após o ocorrido.

A gestão de risco ainda tem papel relevante no aumento de produtividade do time, afinal, com o constante monitoramento de desempenho da equipe, menos equívocos são executados.

Quais são as etapas da gestão de riscos?

Para dar início ao processo de implementação de gestão de risco em uma empresa, um colaborador em específico deverá ser encarregado de preparar os demais para a execução do processo. A gestão de risco iniciará com o mapeamento de todos os processos executados na organização.

Cada aspecto deverá ser analisado de maneira criteriosa para a identificação de riscos em potencial. Poderá ser usado em conjunto ferramentas para auxiliar na leitura e interpretação, como o people analytics, por exemplo, que auxiliará a compreender como anda o desempenho de determinado funcionário

Além do mapeamento de pessoas, também é importante mapear eventos que podem interferir no alcance de metas da empresa, como os índices de absenteísmo, por exemplo.

Veja mais: Tech Recruiter: Como contratar os melhores profissionais de TI?

A próxima etapa é mensurar os impactos que poderão ser causados por cada risco avaliado. O processo de mensuração ajuda a dar uma dimensão do tamanho do risco, pois olhando por cima, podemos ter a impressão de que o problema é insignificante, quando na verdade, pode ser mais grave do que o previsto.

Após a mensuração dos riscos, está na hora de definir quais medidas serão tomadas perante os fatos, que podem ser aplicadas através de ações preventivas para evitar consequências, e também através da ação corretiva, para minimização de danos iminentes.

Agora que você entendeu o que é gestão de risco e suas etapas para que ela possa começar a funcionar na sua empresa, acompanhe nossas páginas no Facebook, no Twitter, no Instagram e no LinkedIn para se informar ainda mais sobre as tendências do RH.

 

Rankdone: Plataforma de testes online, recrutamento e seleção para um RH ágil e moderno.

Selecione o melhor entre os melhores com a nossa plataforma de Recrutamento e Seleção.

EXPERIMENTE AGORA!

Anterior Tech Recruiter: Como contratar os melhores profissionais de TI?
Próxima Plataforma: Melhor software de testes do Brasil!

About author

Você pode gostar também

Recursos Humanos

Como pequenas e médias empresas podem fazer processos de seleção e recrutamento mesmo sem um RH bem estruturado

Se existe uma coisa em comum entre todas as empresas, não importa qual seja seu segmento ou o seu tamanho, é que ela precisa contratar bons funcionários. E verdade seja

Dicas e Novidades

3 dicas para estruturar a gestão de pessoas em PMEs

O Brasil é o país que mais empreende no mundo. O que significa que a cada dia uma nova pequena ou média empresa entra no mercado. Mas nem todas elas

Dicas e Novidades

Dia Internacional da Igualdade da Mulher

Origem Nesta quinta, 26/08, comemora-se o Dia Internacional da Igualdade Feminina. A celebração surgiu, originalmente, nos Estados Unidos. Há exatos 100 anos, em 26 de agosto de 1920, foi aprovada